Fórum O Mundo

Este fórum foi feito para todos aqueles interessados em discutir sobre política, assuntos mundiais, tecnologia, ciência e outras coisas que constituem nosso mundo.
 
InícioInício  FAQFAQ  BuscarBuscar  Registrar-seRegistrar-se  MembrosMembros  GruposGrupos  Conectar-se  

Compartilhe | 
 

 Fim do Darwinismo?

Ir em baixo 
AutorMensagem
Vento
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 63
Data de inscrição : 24/01/2008
Idade : 27
Localização : Malkvaland

MensagemAssunto: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 6:16 am

afro


Última edição por Vento em Dom Mar 16, 2008 12:14 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://xventox.blogspot.com/
Vento
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 63
Data de inscrição : 24/01/2008
Idade : 27
Localização : Malkvaland

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 6:16 am

NOTAS

1. Eugene V. Koonin, “The Biological Big Bang model for the major transitions in evolution,” Biology Direct 2007, 2:21doi:10.1186/1745-6150-2-21.

2. “Major transitions in biological evolution show the same pattern of sudden emergence of diverse forms at a new level of complexity. The relationships between major groups within an emergent new class of biological entities are hard to decipher and do not seem to fit the tree pattern that, following Darwin’s original proposal, remains the dominant description of biological evolution. The cases in point include the origin of complex RNA molecules and protein folds; major groups of viruses; archaea and bacteria, and the principal lineages within each of these prokaryotic domains; eukaryotic supergroups; and animal phyla. In each of these pivotal nexuses in life’s history, the principal “types” seem to appear rapidly and fully equipped with the signature features of the respective new level of biological organization. No intermediate “grades” or intermediate forms between different types are detectable.”

3. “I propose that most or all major evolutionary transitions that show the “explosive” pattern of emergence of new types of biological entities correspond to a boundary between two qualitatively distinct evolutionary phases. The first, inflationary phase is characterized by extremely rapid evolution driven by various processes of genetic information exchange, such as horizontal gene transfer, recombination, fusion, fission, and spread of mobile elements. These processes give rise to a vast diversity of forms from which the main classes of entities at the new level of complexity emerge independently, through a sampling process. In the second phase, evolution dramatically slows down, the respective process of genetic information exchange tapers off, and multiple lineages of the new type of entities emerge, each of them evolving in a tree-like fashion from that point on.”

4. “... there is little I can do because this is an important sentence that accurately and clearly portrays a crucial and, to the very best of my understanding, real feature of evolutionary transitions. Will this be used by the ID camp? Perhaps – if they read that far into the paper. However, I am afraid that, if our goal as evolutionary biologists is to avoid providing any grist for the ID mill, we should simply claim that Darwin, “in principle”, solved all the problems of the origin of biological complexity in his eye story, and only minor details remain to be filled in. Actually, I think the position of some ultra-darwinists is pretty close to that. However, I believe that this is totally counter-productive and such a notion is outright false. And, the ID folks are clever in their own perverse way, they see through such false simplicity and seize on it. I think we (students of evolution) should openly admit that emergence of new levels of complexity is a complex problem and should try to work out solutions some of which could be distinctly non-orthodox...”

5. “... there is little I can do because this is an important sentence that accurately and clearly portrays a crucial and, to the very best of my understanding, real feature of evolutionary transitions. Will this be used by the ID camp? Perhaps – if they read that far into the paper. However, I am afraid that, if our goal as evolutionary biologists is to avoid providing any grist for the ID mill, we should simply claim that Darwin, “in principle”, solved all the problems of the origin of biological complexity in his eye story, and only minor details remain to be filled in. Actually, I think the position of some ultra-darwinists is pretty close to that. However, I believe that this is totally counter-productive and such a notion is outright false. And, the ID folks are clever in their own perverse way, they see through such false simplicity and seize on it. I think we (students of evolution) should openly admit that emergence of new levels of complexity is a complex problem and should try to work out solutions some of which could be distinctly non-orthodox...”
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://xventox.blogspot.com/
victorcp2
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 24/01/2008

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 11:41 am

bom
darwin puxa pro lado louco dos velhos de cabelo grisalho de jaleco.

assim como cientistas aclamaram sua teoria por muito tempo, alguns a usaram como desculpa para explicar a superioridade dos brancos em relaçao aos negros, afirmando que se desenvolveram em lugares diferentes, em meios diferentes, de forma fisica diferente, não tem por que terem a mesma capacidade mental.

Tá lindo isso. Mas e aí? Se isso for verdade axo mais provavel dos negros serem mais inteligentes, pois surgiram antes, tiveram mais tempo pra se desenvolver e aumentaram habilidades fisicas com muita facilidade.

Mas voltando ao assunto...
Não existe evoluçao aos pouquinhos. Um homem nasce cego e seus filhos serão cegos. Isso é evoluçao

Evolução é de nascença, portanto, o individuo nao vai ficando "diferente" aos poucos.
Evolução é necessariamente de nascença porque é genetico, e ninguem compra genes no mercado livre ou ganha comendo carne mal lavada.
Concordo em parte com isso aih, soh n concordo em tudo pq n acabei de ler ainda...xD tongue
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Vento
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 63
Data de inscrição : 24/01/2008
Idade : 27
Localização : Malkvaland

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 12:18 pm

Olha, na verdade o meu post foi mais um ataque a Folha de São Paulo que não está interessada na verdade qua verdade. Está sim, a serviço dos seus próprios interesses que a lógica do capitalismo selvagem afirma: o lucro pelo lucro, não importa quem seja atropelado, oops seja eliminado no meio do caminho na sua corrida pela sobrevivência. O editorial “Criacionismo, não!” tenta de forma canhestra desestabilizar a Ministra Marina Silva no atual governo.

O editorial da Folha de São Paulo é também Darwin uber alles aplicado plenamente e sem questionamentos na cultura, na sociedade, em tudo que se puder imaginar, pois somente o mais apto sobrevive. Darwinismo, oops stalinismo puro. Aliás, a Folha de São Paulo é mais stalinista do que Stálin: um jornal “mão de ferro” dominado por ateus, agnósticos, céticos e quejandos.

A Folha de São Paulo literalmente nunca segue seu manual de redação, pois nunca ouve e nem dá espaço em suas páginas para o contraditório. “Ouvir o outro lado? Isso não te pertence mais!”.

Na mesa-redonda encerrando a V São Paulo Research Conference – “Teoria da Evolução: Princípios e Impactos”, no dia 20 de maio de 2006, Marcelo Leite, colunista da Folha de São Paulo, instado sobre o avanço no Brasil das opiniões contrárias às especulações transformistas de Darwin, de forma stalinista a la Beria assim declarou: “Não damos espaço!”

Eu vou fazer o papel de advogado do Diabo dos de concepções religiosas, e glosar aqui o editorial “Criacionismo, não” da Folha “Pravda” de São Paulo de 20/01/2008, e mostrar que realmente desta vez a Folha “Pravda” de São Paulo tem toda a razão, oops toda a verdade do seu lado

Ateísmo, não!
GRAVES E COMPLEXOS problemas não faltam à ministra Marina Silva, em suas atividades na pasta do Meio Ambiente. Como se estes não bastassem, sua participação no 3º Simpósio sobre Ateísmo e Mídia, promovido pelo Centro Universitário Ateísta de São Paulo – Diálogos Impertinentes (Folha de São Paulo), veio a colocá-la em dificuldades de outro tipo, diante das quais o cargo que ocupa no Estado brasileiro recomenda cautela que não soube observar.

Em palestra intitulada “Meio Ambiente e Ateísmo”, Marina Silva valeu-se de sua formação ateísta para transpor em chave filosófico-ateísta o tema da preservação dos recursos do planeta.

Nada que inspirasse maiores reparos, portanto – assim como não se discute o direito de um ministro professar, pessoalmente, qualquer tipo de ateísmo ou teísmo.

Os adeptos do ateísmo, entretanto, não se contentam com pouco – como política de Estado eles cometeram um Holocausto global: mataram mais de 100 milhões de pessoas no século 20 – e depois da conferência a ministra foi instada, em entrevista, a dar sua opinião sobre o ensino das filosofias ateísta-materialistas nas escolas públicas brasileiras. Num estilo próximo ao dos ultraliberais russos, considerou a la Mikhail Gorbachev que “as duas visões” devem ser oferecidas aos alunos, para que “decidam” por si mesmos.

Sob uma aparência de equanimidade, a tese faz parte de uma investida anticientífica que, com firmeza, cumpre repudiar. Pode-se, é claro, sustentar que o ateísmo pessoal é compatível com o espírito científico; que ateísmo e ciência não se opõem.

Talvez não se oponham, mas certamente não se misturam. E é isto o que o ateísmo tenta fazer, sem base cientificamente comprovada, e com um aparato de falácias que um estudante médio, no Brasil ou em qualquer parte do mundo, não tem condições de identificar, mas é enfiado goela abaixo e sem direito a questionar ou de espernear.

Que o ateísmo fique onde está, e não se faça de ciência: eis uma exigência, afinal modesta, mas inegociável, da modernidade.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://xventox.blogspot.com/
Ivan_Marcondes
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 34
Data de inscrição : 20/01/2008
Idade : 32
Localização : Rio Claro

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 2:02 pm

Acho qualquer tentativa de se chegar à verdade é válida. A ciência sempre passou por transformações ao longo dos anos, com teorias científicas sendo derrubadas ao longo do tempo. Umas, tão logo quanto foram professadas, e outras apenas após milênios de vigência. Ainda não li o artigo completo, mas os trechos traduzidos me pareceram muito lúcidos e sérios, merecedores de consideração. Realmente, é uma grande falta de ética jornalística que qualquer meio de comunicação que trate dos avanços científicos deliberadamente ignore este estudo.

Concordo com Koonin quando ele diz ser importante não dar munição ao design inteligente. Atribuir qualquer coisa à vontade divina é, no mínimo, preguiça científica. Acho que o darwinismo tem muito mais crédito do que o DI simplesmente ao tentar buscar uma explicação não-mística para o surgimento das espécies. Desta forma, entendo que tão danosa quanto a influência do ateísmo radical no fazer científico é a influência do teísmo. Ainda acredito que o fazer científico nas exatas e biológicas deve não se fechar a nenhum tipo de aproximação, tentando ao máximo chegar a verdade de fato...ou pelo menos a "verdade" vigente nos próximos anos, décadas ou centênios.

PS: Sou ateu.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sephiroth
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 21/01/2008
Idade : 26
Localização : Curitiba

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 3:37 pm

Bem teorias vão e vem só cabe a gente continuar tentando até chegarmos a verdade.
Isso é normal quando se trata de avanços da ciencia,tecnologia e etc.

PS:Meu professor q é fã de Darwin vai ter um ataque se ler isso xD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
victorcp2
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 24/01/2008

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 8:09 pm

acho que isso é curiosidade das cabeludas.
assim como tem gente que pergunta por que caçar eh com Ç em vez de SS, tem mta gente q ker saber como a vida evoluiu

Nascendo
soh isso
tem vezes q uma coisinha nasce diferente
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
TheChief
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 55
Data de inscrição : 20/01/2008
Idade : 23
Localização : Resende/RJ

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Qui Jan 24, 2008 10:58 pm

Sephiroth escreveu:
Bem teorias vão e vem só cabe a gente continuar tentando até chegarmos a verdade.
Isso é normal quando se trata de avanços da ciencia,tecnologia e etc.

PS:Meu professor q é fã de Darwin vai ter um ataque se ler isso xD

tenho q mostrar isso pra minha professora também!
vamos deixar os professores pirados e criar uma revolução no estudo?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
victorcp2
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 81
Data de inscrição : 24/01/2008

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Sex Jan 25, 2008 11:32 am

professores são teimosos que nem mulas, não vao aceitar uma palavra disso

vai entra por um ouvido e sair moído pelo otro
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Sephiroth
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 61
Data de inscrição : 21/01/2008
Idade : 26
Localização : Curitiba

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Sex Jan 25, 2008 1:41 pm

victorcp2 escreveu:
professores são teimosos que nem mulas, não vao aceitar uma palavra disso

vai entra por um ouvido e sair moído pelo otro

Fato.

Um grande erro da educação é isso.
Professore ensinam alunos, mas professores não se sujeitam a aprender a menos que venha de um especialista,e o especialista não se sujeita a aprender até que ele/ela não possa mais ignorar o fato =p
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
TheChief
Iniciante
Iniciante
avatar

Mensagens : 55
Data de inscrição : 20/01/2008
Idade : 23
Localização : Resende/RJ

MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   Sex Jan 25, 2008 10:36 pm

até que na minha escola não
minha mãe é assim(é professora) mas minhas professoras e professores n
convenci minha professora de ciencias a comprar um Wii e jogar Wii fit pra emagrecer
ela encarou isso como uma experiencia e agora é games XD
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Fim do Darwinismo?   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Fim do Darwinismo?
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Fórum O Mundo :: Assuntos mundiais :: Ciência-
Ir para: